BAD Dá 221 Mil Dólares Para Estudo Sobre a Transformação do Sector Agrícola em São Tomé e Príncipe Featured

IMG 20150527 175506 newA assinatura do acordo que contempla o donativo do Banco Africano de Desenvolvimento, no valor de 221.220,00 dólares teve lugar durante as assembleias anuais de 2015 do Conselho dos Governadores do BAD em Abidjan, República da Costa do Marfim, entre 25 e 29 de Maio do corrente ano.

O financiamento do Banco Africano de Desenvolvimento é destinado ao estudo sobre a transformação do sector agrícola de São Tomé e Príncipe.

A delegação do Ministério das Finanças e Administração Pública que participou nas assembleias anuais de 2015 do BAD sob o lema “A África e o Novo Cenário Global”, foi chefiada pelo Ministro da tutela, Dr. Américo dos Ramos, que se fez acompanhar do Dr. Arlindo Carvalho, Vice-governador do Banco Central de São Tomé e Príncipe, em representação da Drª Maria do Carmo Silveira, Governadora do Banco Central de São Tomé e Príncipe, da Drª Maria das Neves, Administradora Suplente do BAD para São Tomé e Príncipe e do Dr. Agostinho Bernardo, Director do Gabinete do Ministro das Finanças e Administração Pública. As assembleias anuais da maior instituição financeira de África contaram ainda com a participação de delegações de outros países membros, corpo diplomático acreditado na República da Costa do Marfim, representantes das instituições financeiras, religiosas e membros da sociedade civil do país acolhedor. Tratou-se de um fórum de reflexão sobre os desafios de desenvolvimento socio-económico de África e de oportunidades para os ultrapassar.

Para o Dr. Donald Kaberuka, ainda Presidente do BAD, 2015 é um ano histórico por várias razões e sobre tudo porque é o momento de preparação das condições para adopção de algumas decisões à escala mundial sobre o desenvolvimento, tendo em vista três grandes desafios. Um deles é como financiar o desenvolvimento de África pós 2015. O segundo desafio prende-se com a necessidade de maximizar os benefícios dos recursos naturais e encontrar formas de enfrentar os efeitos das alterações climáticas. A terceira problemática mencionada pelo Presidente do BAD é como abordar a realização de desenvolvimento sustentável das novas metas propostas para depois de 2015.

IMG 20150529 172416 newDurante as assembleias anuais de 2015 que decorreram em Abidjan foi celebrado o quinquagésimo aniversário da criação do BAD, Banco Africano de Desenvolvimento. A ocasião serviu para uma retrospectiva da passagem do estatuto de uma instituição financeira jovem, com meios limitados, para a primeira instituição financeira do continente africano.

Os responsáveis do BAD assinalam 2015 também com sendo o ano da conclusão do processo da sua transição de Tunísia para Abidjan, onde ficou sediado durante 11 anos.

À margem das assembleias anuais, a delegação de São Tomé e Príncipe participou em alguns seminários, workshops e reuniões, como por exemplo com a equipa do ALSF e sobre o sistema de pagamentos.

As assembleias anuais de 2015 culminaram com a eleição do novo Presidente do BAD que recaiu sobre o Nigeriano Akinwumi Adesina.

Last modified on quarta, 03 junho 2015 16:03

Login